• Lattualita

    ELEIçõES 2020

    POLíTICA

    PSDB de São Marcos segue coligado, mas não confirma decisões para eleições de 2020

    Firmado na coligação com MDB, PDT e PSB, o PSDB tem nome cogitado para chapa majoritária com Evandro Kuwer (MDB) e deverá apresentar pré-candidatos para o Legislativo, mas ainda não revela nomes

    1 mês atrás

As lideranças partidárias do Senado e da Câmara dos Deputados entraram em acordo e irão votar em plenário o adiamento das eleições municipais deste ano, que aconteceriam em 4 de outubro,  para o dia 6 de dezembro. Nas cidades onde houver segundo turno, a data é 20 de dezembro. Em São Marcos, as definições dos partidos sobre o próximo pleito eleitoral ainda estão travadas. Os decretos de distanciamento social acabaram interrompendo reuniões entre coligações e, consequentemente, a confirmação de nomes para o pleito.

Assim é o momento também para o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) de São Marcos. A sigla, que está na coligação com MDB, PDT e PSB, ainda não tem confirmações sobre o possível lançamento de algum nome próprio para candidatura a vice-prefeito nas próximas eleições. “Na coligação vamos continuar, mas sobre o nome ainda não entramos em detalhes, porque ainda é cedo”, informou ao L’Attualità o presidente do PSDB de São Marcos, Manoel José dos Santos. O PSDB tem o nome de Rosa Nicoletti Fontana, atual vice-prefeita, entre os cotados para concorrer na chapa com o prefeito Evandro Kuwer (MDB), mas também estão em análise os nomes de Valmir Scopel (PDT) e Patrícia Camassola Tomé (MDB).

De acordo com o presidente do PSDB, as reuniões com a coligação estão suspensas, mas ele indica que as discussões seguem acontecendo nos bastidores. Mesmo assim, o momento ainda é de incertezas para o partido. Em relação à candidatura de vereadores, José revela que neste ano a sigla deverá lançar nomes para o pleito, porém ainda não há confirmações de pré-candidatos. “Vamos lançar alguma coisa, mas não sabemos quantos, nem de que forma”, declara o presidente. O PSDB não tem representantes no Legislativo são-marquense atualmente.