• Lattualita

    POLíTICA

    PSB de São Marcos não lançará candidato a prefeito nas eleições de 2020: ‘vamos apresentar pré-candidato a vice’

    Em entrevista ao L’Attualità, o presidente do PSB local, José do Samu, informa que partido deverá apresentar nome de Vinícius Pedroso, atual secretário municipal de Assistência Social, como pré-candidato em coligação com MDB

    5 meses atrás

    Presidente do PSB de São Marcos, José do Samu esteve na redação do L'Attualità

O PSB (Partido Socialista Brasileiro) de São Marcos não lançará nome para candidato a prefeito nas eleições municipais de 2020. Conforme revela o atual presidente da sigla, José Airton Muller, o vereador José do Samu, o partido deverá oferecer um nome para concorrer a vice prefeito na chapa majoritária pela coligação com MDB. “Todos os caminhos levam naturalmente para continuarmos apoiando o atual prefeito Evandro Kuwer (MDB) e, provavelmente, estaremos apresentando um pré- candidato para disputar a vice prefeitura. O nome que nós temos hoje é do Vinícius Pedroso, que é o nosso atual secretário municipal de Assistência Social, Trabalho e Habitação”, revela José do Samu, salientando que também há a possibilidade de Vinícius Pedroso concorrer novamente a vereador.

Fundado em São Marcos em 2011, o PSB teve o seu presidente e fundador José do Samu como candidato a vereador nas eleições de 2012 e, no pleito eleitoral de 2016, Junior Cesar Haskel Velho concorreu a prefeito pela sigla. “O partido ganhou um outro volume em 2016, quando tivemos um protagonismo maior, com candidato a prefeito e 16 candidatos a vereadores, tendo uma coligação com PT e PCdoB. E conquistamos uma cadeira na Câmara de Vereadores com 1.650 votos, através do coeficiente partidário. O nosso titular Vinícius Pedroso fez 236 votos”, relembra José do Samu.

‘Nosso desafio atual é completar a nominata de vereadores’

Ele destaca que o partido almeja uma participação maior nas eleições em 2024. “Nesse ano o PSB não terá candidato a prefeito. A gente trabalha com bastante humildade nesse sentido, sempre de acordo com a nossa capacidade. E nós queremos em 2024 estar bem melhor do que agora, para poder se impor um pouco mais. E tudo isso passa pela eleição a vereador, que é onde nos consolidamos como partido”, assinala José do Samu, informando que concorrerá novamente a vereador em 2020. “Será a terceira vez que eu participarei do pleito. E com mais alguns nomes, que precisaremos ter, para completar a nominata de vereadores, que serão 13 ou 14, não está bem definido ainda. Pelo menos 33% dos candidatos devem ser mulheres, então serão 5 mulheres, no mínimo. Nosso desafio atual é completar a lista dos vereadores e estamos lutando para isso”, pontua José do Samu.