• Lattualita

    DESTAQUE

    EMPRESAS

    Mondiale Acrílicos de São Marcos fornece colunas de bolhas para novela das 7 da Rede Globo

    Colunas de bolhas fabricadas pela Mondiale compõem um dos cenários da novela Verão 90. Esta é a oitava vez em que a Rede Globo solicita os produtos da empresa são-marquense

    1 ano atrás

    Coluna de bolhas da Mondiale Acrílicos em cena da novela Verão 90 (Foto divulgação Rede Globo)

A empresa Mondiale Acrílicos, de São Marcos, está presente na atual novela das 7 da Rede Globo, Verão 90. Colunas de bolhas fabricadas pela Mondiale compõem o cenário de uma boate na trama ambientada na década de noventa. O diretor da empresa, Rogério Marcon, revela que esta é a oitava vez em que a Rede Globo solicita os produtos da Mondiale. “A primeira vez foi na novela Cheias de Charme (2012). Depois tivemos também um painel de bolhas na novela A Regra do Jogo (2015), e em várias séries, minisséries e festas do Big Brother Brasil também. Eu estive muitas vezes no Projac (complexo de estúdios da Rede Globo, no Rio de Janeiro), inclusive na casa do Big Brother, colocando produtos. E na próxima edição do programa provavelmente será colocado um painel da Mondiale no quarto do líder”, antecipa Rogério, explicando como funciona a parceria entre a Mondiale Acrílicos e a Rede Globo. “Eles nos procuraram e solicitaram uma parceria que funciona da seguinte forma: nós fornecemos o produto, não cobramos nada e não pagamos nada pela divulgação. Eles pagam as despesas de envio, o deslocamento aéreo, todas as despesas de hotel, alimentação, e o frete do retorno do produto. Algumas empresas pagam para colocar os seus produtos nos programas da Globo, mas no nosso caso é um empréstimo, um comodato. Nós podemos usar a novela para fazer divulgação à vontade, sem custo nenhum. Eles não divulgam o nosso nome, mas nós podemos usar as imagens como divulgação do nosso produto”, destaca Rogério.

O diretor da Mondiale avalia que a exposição dos produtos da empresa são-marquense na maior emissora de televisão do país traz um retorno positivo para a marca. “Muita gente admira os cenários da Globo, porque todos os itens são escolhidos com muito cuidado. Esses cenários influenciam na decoração dos ambientes e na decisão dos arquitetos. E muitas pessoas ligam na Globo pedindo ‘o que é aquilo? De onde vem? Quem faz?’ E eles respondem que o produto é nosso”, pontua Rogério.

Mondiale trouxe a tecnologia dos painéis de bolhas ao Brasil

Os painéis de bolhas da Mondiale foram lançados em 2009, contudo, a tecnologia americana foi trazida ao Brasil pela empresa em 2004. “Nós adquirimos essa tecnologia nos Estados Unidos, na empresa de origem, em 2004. Fomos lá e eles nos ensinaram a fazer o painel de bolhas. Aí eu paguei royalties para eles, licença de fabricação, e patenteei o produto aqui no Brasil até o ano de 2035. Ficamos desenvolvendo o painel por uns anos e foi lançado em 2009. A Mondiale foi pioneira na introdução dos painéis de bolhas no Brasil”, assinala Rogério Marcon, destacando que o produto era desconhecido no mercado nacional. “Ninguém conhecia. Tivemos que tornar esse produto conhecido ao público através de investimento em muitas feiras. Aí o produto foi se espalhando em todo o Brasil, e hoje ele se vende por conta própria. Não temos representantes, não temos lojas, é sempre negociação direta da fábrica com o cliente. Nós trabalhamos com redes sociais, como Facebook e Instagram”, finaliza Rogério Marcon. Localizada na Rua Luiz Cioatto, número 44, a Mondiale Acrílicos conta atualmente com 12 funcionários, e é dividida em dois setores, de acrílicos e troféus. Em 2018 a empresa liderou a montagem dos 60 troféus entregues na 46ª edição do Festival de Cinema de Gramado.