• Lattualita

    GERAL

    General são-marquense Geraldo Miotto vai para a reserva

    Geraldo Miotto completa no próximo dia 31 de março o tempo máximo de 12 anos de permanência na ativa de um general e passará o cargo no dia 30 de abril

    2 meses atrás

O presidente Jair Bolsonaro transferiu o general são-marquense Geraldo Antônio Miotto, 65 anos, para a reserva. O ato foi publicado em edição desta quinta-feira, dia 26 de março, do Diário Oficial da União. O general Valério Stumpf Trindade assume o cargo de Miotto como comandante militar do Sul. De acordo com informações do Gabinete de Comando Militar do Sul, o general Miotto completa no próximo dia 31 de março o tempo máximo de 12 anos de permanência na ativa de um general, aposentando-se, conforme determina a legislação. A passagem de comando de Miotto para Stumpf Trindade será no dia 30 de abril, no gabinete. Não haverá cerimônia, como planejado inicialmente, devido à pandemia do coronavírus.

O nome de Geraldo Miotto foi um dos cotados para assumir a Casa Civil, após a queda de Onyx Lorenzoni. E, mais recentemente, integrantes do núcleo militar passaram a defender que o general assuma o Gabinete de Segurança Institucional, transferindo Augusto Heleno para o Itamaraty.