• Lattualita

    CORONAVíRUS

    SAúDE

    Coronavírus: no Hospital São João Bosco ‘está tudo dentro da normalidade’

    Em São Marcos, conforme diretor do Hospital São João Bosco, Rogério Soldatelli, volume de internações até esta terça-feira (24) está baixo: ‘muito abaixo da média’

    5 dias atrás

Em meio a pandemia do coronavírus (covid-19), o Hospital São João Bosco, de São Marcos, tem registrado baixo volume de internações até esta terça-feira, dia 24 de março, conforme revela o diretor Rogério Soldatelli. “As internações estão muito abaixo da média. São poucas internações, nada de extraordinário. Está tudo dentro da normalidade até então”, informa Rogério. Conforme observa, as medidas preventivas implantadas pelo decreto municipal ajudam a população e, consequentemente, o Hospital. “Acho que São Marcos está bem encaminhado”, comenta Rogério.

Conforme destaca, o Hospital São João Bosco conta com 4 respiradores (equipamentos de ventilação mecânica), para atender pacientes com problemas respiratórios de urgência e emergência. “Os nossos respiradores são equipamentos muito modernos. Quando você instala em uma pessoa, que precisa ser entubada, você coloca e o equipamento vai se autodeterminando quanto à quantidade de potência que precisa para aquela pessoa. Ele vai entrar no sistema respiratório da normalidade da pessoa, então é compatível com o impulso de cada um. Por isso, a princípio, acredito que não temos condições de adaptar o equipamento para atender a duas pessoas”, explica Rogério.

Respiradores adquiridos com recursos próprios: ‘são propriedade do Hospital  e ficam para nossa comunidade’

O diretor do Hospital salienta que os respiradores foram adquiridos com recursos próprios da entidade, o que garante que fiquem à disposição da comunidade são-marquense. “Adquirimos eles há uns 4 anos, com recursos próprios. Se esses respiradores tivessem verba pública, o governo ajudasse a comprar, poderiam ser recolhidos para atender em outra cidade pelo SUS, mas, como o Hospital, prudentemente, sempre comprou com recursos próprios, os respiradores são propriedade do Hospital São João Bosco e ficam para nossa comunidade. Inclusive representante da coordenadoria regional de saúde pediu se nós disponibilizaríamos os respiradores se fosse preciso para fora de São Marcos e eu disse que não, os respiradores são para nossa cidade”, assinala Rogério Soldatelli. Conforme acrescenta, até o momento, os governos Estadual e Federal não ofereceram nenhum suporte para a entidade. “Do governo até agora nada. Ninguém nos deu nada, nem nos ofereceu ou perguntou nada. Apenas a Federação dos Hospitais nos solicitou qual seria a nossa necessidade e mandamos uma listagem do que precisamos em termos de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual: gorro, máscara N95, luvas, aventais descartáveis e óculos protetores). Mas vamos fazer tudo o que precisar por nossa conta”, ressalta Rogério Soldatelli.

‘Profissionais do Hospital estão dando exemplo de compromisso com a cidade’

O diretor do Hospital São João Bosco finalizou a entrevista que concedeu ao L’Attualità na manhã desta terça-feira (24), parabenizando às enfermeiras e funcionários da instituição pelo comprometimento da equipe neste momento. “Eu tenho técnica em enfermagem aqui de quase 70 anos que estão no barco junto conosco. Então o reconhecimento do Hospital São João Bosco, sua diretoria e conselhos, a essas profissionais, nossas enfermeiras, que estão se comportando como verdadeiros soldados, numa guerra muito difícil. O pessoal da limpeza, da copa, todos os funcionários do Hospital, o exemplo que estão dando de compromisso para com a cidade de São Marcos”, ressaltou Rogério Soldatelli.